Compartilhe:

O Que é Geometria Sagrada?

Em uma definição mais abrangente e sim para mais clara compreensão, a Geometria Sagrada é a natureza da natureza.

Do favo de mel, às escamas de um peixe, às redes neurais de nossos cérebros, toda a vida é composta de padrões intrincados. Os padrões geométricos encontrados na natureza fornecem uma chave essencial sobre a criação.

A sincronicidade do universo é determinada por certas constantes matemáticas que se expressam na forma de “padrões” e “ciclos” na natureza.

O resultado desse processo pode ser visto em todo o mundo natural, como demonstram os seguintes exemplos:

 

Essas exibições de constantes matemáticas e geométricas são a confirmação de que certas proporções são tecidas no próprio tecido da natureza. Reconhecer o significado desse fato simples nos oferece os meios para entender como e por que esses assuntos foram considerados sagrados. Eles e tudo ao nosso redor, são o produto do delicado equilíbrio entre caos e ordem.

A geometria sagrada une ciência e espiritualidade, eu e “outro”, cérebro direito (intuição) e cérebro esquerdo (pensamento racional), interno e externo, macro e micro…

A geometria sagrada é um processo de alinhar o coração, a mente e o espírito à Fonte. É a porta de entrada entre os reinos etérico e físico. Trabalhar com a geometria sagrada é um espelho da alma – é fundamental para a evolução da consciência, bem como para a existência da própria vida.

Tudo é sagrado. Tudo é geometria.

Os padrões geométricos estão na base de todas as formas encontradas na natureza, desde a estrutura do átomo até a formação de galáxias, passando pelas flores e animais, incluindo o próprio ser humano.

As formas naturais, todas harmônicas entre si, criam vibrações específicas. E as frequências dessas vibrações sustentam o equilíbrio de tudo que existe no Universo.

Nossa civilização, com suas formas retas e desproporcionais, nos condiciona a vibrar em frequências dissonantes das de nossa própria natureza. Com isso, começamos por nos sentir cansados, nosso sistema imunológico se debilita, podemos ficar desanimados, deprimidos e ao final até doentes.

Estamos separados vibratoriamente da Natureza em que fomos gerados. Essa é a origem da sensação de separação e isolamento que gera muitos dos males psicológicos e físicos da atualidade.

COMO APLICAR ESTE CONHECIMENTO

Hoje em dia, nossas construções não obedecem mais às proporções especiais da Geometria Sagrada. Mas podemos usá-la em objetos do nosso dia a dia, recuperando seus efeitos benéficos sobre nossa saúde física e emocional.

Algumas pessoas afirmam que o simples fato de contemplar as formas da natureza é capaz de reequilibrar nosso organismo. Isso inclui não apenas estar ao ar livre, mas também decorar a casa, fotografias de plantas, paisagens e até constelações.

Existe uma forma mais específica de aproveitar os benefícios da Geometria Sagrada, usando os chamados sólidos platônicos.

Eles receberam este nome pois foi o filósofo Platão quem primeiro definiu suas características e os identificou em um conjunto.

Sólidos platônicos são formas geométricas tridimensionais que possuem todas as arestas e todas as faces iguais. Se forem inseridos em uma esfera, todos os seus vértices tocarão a superfície da esfera.

Estes cinco sólidos são considerados a matriz de todas as formas do Universo. Quando conhecemos suas características, podemos aproveitar o que cada um nos traz de benefício.

OS CINCO SÓLIDOS PLATÔNICOS

Cada um dos sólidos platônicos está associado a um dos elementos da alquimia clássica: fogo, terra, água, ar e éter. Isso nos permite aplicá-los segundo suas propriedades sutis, escolhendo aqueles de que mais necessitamos para nos equilibrar.

TETRAEDRO

Elemento Fogo – pontiagudo e afiado como o calor do fogo. Traz uma energia yang, quente.

O tetraedro está ligado ao nosso desenvolvimento espiritual e nos ajuda a alcançar o amor incondicional. Ele nos ajuda a agir.

Devemos usar o tetraedro quando estamos fracos, desanimados, quando sentimos muito frio ou nos resfriamos com facilidade.

Não devemos usá-lo quando estamos com raiva ou irritados.

HEXAEDRO

Elemento Terra – sempre firme sob nossos pés. Traz uma energia suave e estável.

Nosso conhecido cubo, o tetraedro está ligado ao servir e à doação, como a Mãe Terra que nos doa todas as suas riquezas sem reservas. Ele nos ensina como agir a serviço do bem estar do planeta.

Devemos usar o hexaedro quando precisamos de estabilidade, ou quando estamos muito dispersos e desligados da realidade que nos rodeia.

Não devemos usá-lo quando temos tendência a engordar, ou em nossa casa quando há muita coisa acumulada precisando ser doada ou descartada.

OCTAEDRO

Elemento Ar – seus minúsculos componentes são tão suaves que quase não podem ser sentidos. É leve e não por acaso o formato escolhido para os mais simples balões caseiros.

O octaedro está ligado ao desenvolvimento mental. Ele nos ajuda a compreender a realidade do ser e as leis do universo.

Devemos usar o octaedro quando precisamos melhorar nossa memória e nosso raciocínio, ou quando buscamos algo que dê sentido à vida.

Não devemos usá-lo quando já somos demasiadamente racionais, e temos dificuldade para aceitar os sentimentos e as intuições.

DODECAEDRO

Elemento Éter – ligação com o cosmo, representa o suposto vazio que permeia os astros celestes.

O dodecaedro está ligado ao despertar de nossa consciência. Atuando tanto no plano pessoal quanto no coletivo, alcançamos o plano de nossa consciência cósmica.

Devemos usar o dodecaedro quando queremos fazer a conexão entre o plano material e o espiritual, quando queremos dar às nossas atividades cotidianas um sentido mais elevado.

Não devemos usá-lo quando temos dificuldade em aceitar e nos adaptar à realidade da vida material e executar com eficiência as atividades mais simples e repetitivas do dia-a-dia, quando nos falta organização e disciplina.

ICOSAEDRO

Elemento Água – este sólido rola e escorrega de nossas mãos. Traz fluidez e impermanência.

O icosaedro está ligado ao equilíbrio energético, tanto pessoal quanto entre as pessoas e os ambientes. Por meio da limpeza e da purificação, nos tornamos capazes de canalizar as energias cósmicas em nosso benefício.

Devemos usar o icosaedro quando sentimos as energias estagnadas e pesadas, seja em nós ou em nossa casa. Quando nossa vida está parada e nada flui como esperado.

Não devemos usá-lo quando nos sentimos desvitalizados ou inseguros, ou quando nossa vida apresenta muita instabilidade, com alternância de altos e baixos.

APLICAÇÕES MAIS FORTES E PODEROSAS DA GEOMETRIA SAGRADA

A Geometria Sagrada e os sólidos Platônicos se tornam extremamente poderosos e permanentes quando são convertidos em frequências e em ferramentas sonoras exatas através de nossos Programas para cumprir o objetivo programado.

Nossos programas são produzidos sob medida com frequências exatas para cada objetivo e necessidade, clique aqui e saiba mais!

 

Notice: Undefined index: nofollow in /home/reallyze/public_html/wp-content/plugins/ocean-extra/includes/widgets/about-me.php on line 345

Equipe Reallyze-se!


    Notice: Undefined index: google-plus in /home/reallyze/public_html/wp-content/plugins/ocean-extra/includes/widgets/about-me.php on line 293

    Notice: Undefined index: youtube in /home/reallyze/public_html/wp-content/plugins/ocean-extra/includes/widgets/about-me.php on line 293
×
×

Carrinho